Home > Política > Defesa diz que tem ‘muita preocupação’ com a segurança de Saud na Papuda

Defesa diz que tem ‘muita preocupação’ com a segurança de Saud na Papuda

O advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, que faz a defesa do executivo da J&F Ricardo Saud, disse que tem “muita preocupação” com a segurança do cliente no presídio da Papuda, no Distrito Federal.
Saud, que está preso na superintendência da Polícia Federal, vai ser transferido para o presídio nesta sexta-feira (15). Segundo o advogado, a transferência foi uma decisão da PF.
Almeida Castro disse que a ala para onde vai Saud é um local especial para delatores, mas ainda assim gera preocupação na defesa, porque na mesma área estão detidas seis pessoas delatadas pelo executivo.
“O Ricardo Saud vai para essa área específica da Papuda, mas nessa área tem seis pessoas que ele delatou. Então ainda que esteja num lugar com segurança especial, nós temos uma precupação muito grande com a segurança dele”, afirmou o advogado.
Saud foi preso no final de semana, por determinação do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF). O executivo é suspeito de, junto com o dono da JBS (empresa do grupo J&F), Joesley Batista, ter omitido informações na delação premiada.
Inicialmente as prisões de Saud e Joesley era temporárias (com prazo de cinco dias), mas foram convertidas, a pedido da Procuradoria-Geral da República, em preventivas (sem prazo definido).
Almeida Castro ponderou que o local para onde o cliente será transferido é “sem dúvida nenhuma” o “melhor” em Brasília, mas o fato de ele ficar perto de outros delatados gera uma “preocupação real”.
“Inclusive uma dessas pessoas teria num dado momento jurado de morte o Ricardo. Então são preocupações da defesa”, afirmou.
O advogado, no entanto, disse confiar na “expertise” da Polícia Federal e lembrou que a corporação é responsável pelo integridade do preso.
“Essa foi uma decisão da PF, que nós simplesmtne acatamos. Eu confio na PF, acho que a PF tem competência e expertise para saber o que é melhor, até porque a responsabilidade com a segurança deles é com a PF”, completou Almeida Castro.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *