Home > Polícia > Polícia apreende 400 kg de droga transportada em caminhão no AM

Polícia apreende 400 kg de droga transportada em caminhão no AM

Um adolescente, de 16 anos, e Anderson Duarte dos Santos, de 25, foram interceptados pela Polícia Civil do Amazonas quando descarregavam 400 kg de drogas, na Zona Oeste de Manaus. A dupla foi localizada na tarde de terça-feira (2), no bairro Tarumã. A carga de maconha prensada é a maior apreensão do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) neste ano. Os entorpecentes foram transportados da Colômbia e entraram no Brasil no trecho de fronteira em Tabatinga, a 1.108 KM de distância da capital.


De acordo com a Polícia Civil, o transporte dos entorpecentes era monitorado desde a fronteira e as investigações do caso iniciaram há dois meses após denúncia anônima. Por volta das 15h, Anderson foi preso e o adolescente apreendido na rua São Tomé, na Comunidade Parque São Pedro. A dupla estava descarregando 412 tabletes de drogas de um caminhão e levando os entorpecentes para uma casa, onde havia várias crianças e uma idosa. No imóvel mora o adolescente.
O jovem e Anderson receberiam R$ 10 mil para armazenar a carga de maconha do tipo skunk. Uma terceira pessoa era aguardada para recolher os entorpecentes e fazer a distribuição.
O diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), delegado Guilherme Torres, revelou que os entorpecentes seriam utilizados para abastecer o tráfico de drogas local. A carga representa a maior volume de drogas apreendidas neste ano pelo departamento.
“Temos monitorado esse pessoal desde Rio Japurá até Manaus. Aguardamos o momento ideal para saber o local onde estava sendo armazenado. No momento que eles tiraram toda droga fizemos abordagem. Sabemos que são os proprietários e vamos representar pela prisão preventiva deles”, afirmou o delegado.
Anderson Duarte e o adolescente não tinham passagens pela polícia. Anderson foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. Ele será encaminhado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch Reis, em Manaus.
O adolescente foi levado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai). “Infelizmente, essas pessoas estão sendo cooptados por traficantes e utilizadas como mulas”, acrescentou Guilherme Torres.
Durante a coletiva de imprensa Anderson não quis comentar as acusações da polícia.
Nova rota do tráfico
Segundo o DRCO, o carregamento apreendido foi produzido na região Cauca na Colômbia. Para fugir nas fiscalizações no trecho Rio Solimões em Tabatinga, os traficantes estão transportando pelo Rio Japurá, que se tornou uma nova rota dos narcotraficantes.
“Com a fiscalização da rota do Solimões pelo trabalho da Base Anzol em Tabatinga e do DEA dos Estados Unidos na fronteira, os traficantes têm procurado uma rota alternativa. No caso, é um pouco mais acima na Calha do Rio Japurá. O Rio Japurá na fronteira emenda com o Rio Caquetá na Colômbia e vai até região de Cauca, onde é produzida a maconha do tipo skunk. Inclusive, fica próximo do Cartel de Cáli. Então eles descem esse rio e pegam a rota pelo Rio Japurá até Manaus”, revelou o diretor do DRCO.
Cerca de 600 kg de drogas foram apreendidas pelo DRCO no Amazonas em 2017.

Fonte: G1 Amazonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *