Home > Cidade > Rio Negro desce 2 cm e indica fim da cheia

Rio Negro desce 2 cm e indica fim da cheia

Após quase seis meses de cheia, a cota do Rio Negro registrou queda de 2 centímetros (cm) nos últimos dois dias, na capital amazonense. De acordo com dados disponibilizados pelo Porto de Manaus, o nível, que chegou a 29 metros (cota de emergência para cheia) no sábado (3), marcava, ontem (7), 28,98 metros. Para o Serviço Geológico do Brasil (CPRM), a queda indica o fim do período das cheias na região.

É a primeira vez em seis meses que o nível do Rio Negro registra queda. O nível começou a subir em dezembro do ano passado até o último sábado (3), quando registrou 29 metros.

A engenheira ambiental do CPRM, Luna Alves, explica que mesmo com apenas dois dias de queda do nível do Rio Negro, é possível indicar o fim do período de cheias no Rio Negro.

“Existe uma indicação do fim do período de cheias. O comportamento do nível do Rio Negro em Manaus costuma apresentar uma tendência de estabilidade. Então, a partir do momento em que começa a descer, geralmente temos o fim do processo de enchente. A não ser que ocorra um repiquete, mas esse ano não temos essa indicação”, afirmou.

Luna afirma, ainda, que a descida do nível do Rio Negro afetará municípios próximos da capital. “O encerramento do processo de enchente em Manaus geralmente ocorre bem ao próximo à descida do Rio Solimões nos municípios mais próximos, como Manacapuru e Iranduba, e também os localizados no Rio Amazonas, como Itacoatiara e Careiro”, explicou Luna.

Mesmo atingindo a cota de emergência para este ano, a cheia do Rio Negro não irá superar a marca histórica de 29,97 metros, registrada no dia 29 de maio de 2012. Em comparação com o ano passado, são 1,90 metros a mais, quando o Rio Negro registrava a cota de 27,10 metros.

Como prevenção, a Defesa Civil do município, por meio de nota, afirma que construiu 3.016 metros de pontes provisórias, que atenderam 15 bairros durante a cheia do Rio Negro no município com o objetivo de evitar transtornos por conta da cheia.

Abaixo do Esperado

No último alerta de cheia, divulgado no começo deste mês, o CPRM informou que esperava que a cheia em Manaus atingisse a cota média de 29,21 metros, ultrapassando em 2,02 metros a enchente do ano passado. O órgão previa, também, que a cheia deste ano durasse até meados do mês de junho.

Fonte: D24

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *