Home > Polícia > Suspeito de atuar como ‘pirata de rio’ é preso com armas e drogas, no AM

Suspeito de atuar como ‘pirata de rio’ é preso com armas e drogas, no AM

Um foragido da justiça e suspeito de ser integrante de uma quadrilha de “piratas de rio”, de 32 anos, foi capturado em Coari, a 444 km de Manaus. Ele foi detido no início desta semana, suspeito de fazer arrastão no comércio do município. No momento da prisão, houve troca de tiros com a polícia.
O preso é como um dos comandantes de uma facção de piratas responsável por atacar embarcações no interior do Amazonas.
De acordo com informações repassadas pela polícia, o foragido e um comparsa teriam passado a noite praticando arrastão nos estabelecimentos comerciais do município de Coari. A dupla utilizavou uma motocicleta de cor preta, e foi identificada pela população.
“Uma das vítimas ligou para 190 e identificou a dupla. Os policiais montaram cerco com viaturas de duas e quatro rodas no bairro do Duque de Caxias, famoso reduto do foragido. O local é conhecido por ter muitas residências de parentes que dão apoio ao criminoso”, apontou o Comandante do 5° Batalhão da Polícia Militar (PM), Major Pedro Moreira.
Ao perceberem que tinham sido cercados, os uspeitos reagiram atirando contra a polícia. Os policiais trocaram tiros e conseguiram atingir o suposto pirata.
“Ele foi capturado de portando um revólver calibre 38 com duas munições deflagradas e quatro intactas, além de uma porção de drogas, supostamente pasta base de cocaína. O seu comparsa possivelmente tenha sido ferido, entretanto, conseguiu se evadir do local”, afirmou o major Pedro.
O suspeito foi levado até o hospital, onde foi submetido a uma cirurgia. Ele será indiciado por roubo, tráfico de drogas e tentativa de homicídio.
O foragido responde por crimes de tráfico de drogas, roubos e homicídios. No início do ano, durante a operação “Lago Coari Grande”, os policiais do 5° Batalhão da Polícia Militar apreenderam um Fuzil 7,62, pertencente a quadrilha da qual o suspeito faria parte.

Fonte: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *