Home > Cultura > ‘Tia’ cosplayer de 50 anos vira atração em eventos ‘geek’ no AM

‘Tia’ cosplayer de 50 anos vira atração em eventos ‘geek’ no AM

Em “Moana – Um Mar de Aventuras”, a avó da personagem principal incentivava a neta a não desistir dos sonhos, mesmo que as pessoas que a rodeiam não dessem crédito a eles. Essa filosofia é adotada pela aposentada Solange Nascimento. Aos 50 anos e a muitos (e muitos e muitos) quilômetros de distância do cenário que inspirou a animação da Disney, ela veste bem mais que as ideias do filme: cosplayer, ela participa de eventos com fantasias de personagens conhecidos, como a vovó Tala, a excêntrica matriarca que aconselha Moana.
Conhecida como “Tia Sol”, Solange é ovacionada por onde passa. Em competições de cosplay, ela faz frente a pessoas com mais da metade da sua idade. Além da vovó Tala, ela também já foi o Mestre dos Magos (‘A Caverna do Dragão’), a avó do Piu-Piu (‘Looney Tunes’), Cruella DeVille (‘101 Dálmatas’), Rita Repulsa (‘Power Rangers’), Bruxa Onilda (‘As Trigêmeas’), Muriel (‘Coragem, o Cão Covarde’) e a Fada Madrinha da série de filmes “Shrek”.
Solange conta que sempre gostou de assistir a animes, séries de televisão e filmes. Quando os filhos nasceram, os gostos foram herdados. “”Eles iam para a escola e coitada de mim se eu não gravasse em fita cassete os episódios de Dragon Ball Z que passavam quando eles não estavam [em casa]”, lembra.
A vontade de fazer cosplay surgiu de ver a filha, hoje com 19 anos, participar de eventos na cidade. Solange sempre opinava, ajudava a conseguir as roupas e a acompanhava nas apresentações. Foi uma aposta com uma amiga que deu início à nova carreira da aposentada.
“Fui acompanhar minha filha em um evento e uma amiga me perguntou por que eu não fazia um cosplay. Ela disse que, se eu fizesse, ela mesma pagaria a minha roupa e então eu encomendei. Quando chegou, postei uma foto e as pessoas amaram. Ela viu e teve que pagar por ter perdido a aposta”, recorda, entre risadas.
A primeira fantasia foi a da simpática vovó do Piu-Piu. O medo que Solange sentiu ao subir no palco foi logo substituído pela felicidade que teve com a reação do público que assistia ao evento.
Assim como a canção-tema de “Moana”, onde a protagonista diz que “vai atravessar para além do mar”, “Tia Sol” pretende continuar fazendo cosplays e desafiar aqueles que dizem que ela deveria “estar em casa, fazendo tricô”. O sucesso que faz nos eventos lhe garantiu um público fiel. Todos os dias, ela recebe sugestões de novas fantasias.
“Eu amo o que faço e não me veria fazendo outra coisa que não tendo um personagem para me caracterizar”, finaliza.
Assim como a canção-tema de “Moana”, onde a protagonista diz que “vai atravessar para além do mar”, “Tia Sol” pretende continuar fazendo cosplays e desafiar aqueles que dizem que ela deveria “estar em casa, fazendo tricô”. O sucesso que faz nos eventos lhe garantiu um público fiel. Todos os dias, ela recebe sugestões de novas fantasias.
“Eu amo o que faço e não me veria fazendo outra coisa que não tendo um personagem para me caracterizar”, finaliza.

Fonte: D24

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *